Livre para ser Mulher

Mulher! Profissional, empreendedora, mãe, esposa, dona de casa, administradora da família… bem, poderia enumerar uma lista sem fim! Porém, como dar conta de tudo isso e ainda ter tempo para si? Tempo para ser Mulher?

O dia 8 de março foi escolhido para homenagear a mulher. Existem muitas histórias sobre essa data, algumas tristes outras inspiradoras, de mulheres que defenderam aquilo que acreditavam! Mas atualmente, na prática, o que exatamente as mulheres conquistaram? Temos a tão desejada igualdade no ambiente de trabalho? Salários e oportunidades de promoção iguais? E quando você decide ter um filho… A sim! O direito ao voto! Você sente que sua opinião é respeitada?

Preconceito, desvalorização, salários baixos, violência masculina, jornada excessiva no trabalho e desvantagens na carreira profissional… Muito foi conquistado, mas muito ainda há para ser modificado nesta história.

Meu desafio para você neste mês dedicado as mulheres, é que você seja LIVRE PARA SER MULHER!

Seja mais do que simples sobrevivente, viva uma vida com propósito! Faça parte de algo maior que você mesma. Descubra o que te faz feliz, qual e sua Missão e viva por ela!

Dê a si mesma o direito de ser uma mulher livre de verdade, livre de seus próprios preconceitos e das suposições que te cercam, que lhe forma impostas desde quando você ainda nem entendia o significado da palavra “diferenças”.

Seja mãe ou não, casada ou solteira, empresária, ou skatista, dona de casa, viciada em trabalho, alta, magra, baixa, gorda, romântica, desencanada ou de qualquer outra maneira que você ainda não tenha encontrado um rótulo para chamar de seu. Seja você! Seja livre para ser você de verdade em meio a tantas outras.

Seja livre para ser quem Deus criou você para ser, MULHER!

Cleyse de Paula

Master Coach de Carreira – Especialista em Transição e Desenvolvimento de Carreira, Orientação Vocaciona

Palestrante e Escritora

 https://www.facebook.com/Escolhasualiberdade/
 https://www.instagram.com/cleysedepaula/
 coachdepaula@gmail.com

1 Comment

  1. Cleyse de Paula
    Cleyse de Paula

    31 de março de 2017 at 09:53

    Obrigada Brandilyn, fico feliz que você gostou! Quando libertamos uma Mulher, libertamos uma geração!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*